domingo, 20 de fevereiro de 2011

en Beauté... Nas unhas, nudes, cremes e estampas!

Um pouco cansada das cores fortes – azuis, verdes, roxos [os vermelhos ainda mantêm um lugar no meu coração...] –, tenho apostado nos esmaltes da gama dos nudes, beges e caramelos, até os cremes mais escuros (marrom claro?), passando pelo gelo.

Na nécessaire, estão alguns exemplares:

Da Colorama: Cashmere, Balé clássico e Gelo (única camada – mas, eu uso duas...).


Da Risqué: Cappuccino (coleção Arábica), que anda sumido das prateleiras... e Citrino nude (coleção Joias místicas).


Da Impala: Jackie, um querido da coleção Divas (acabei de adquirir mais um vidrinho – oba!), Beige e Nude clássico e as últimas aquisições, Café creme e Crochê.


Da Dior: Nude chic 219 (último à direita), que veio no kit comprado no Duty Free da Argentina (aqui).



Nota: parece que, na próxima SPFW (junho), vai acontecer a Nails Fashion Week, com desfile de... esmaltes! Será?


Super práticas para ter na bolsa ou em casa, são as lixas estampadas Marco Boni (6 unidades) e Océane (12 unidades fininhas), que custam quase o mesmo preço e tornam o cuidado com as unhas uma tarefa bem girlie: basta escolher entre as inúmeras opções de estampas e padronagens!


***Mais esmaltes:
Sim, nós temos esmaltes!
Quem gosta de esmalte?
Nas nossas mãos
Os kits do Duty Free Buenos Aires
***

4 comentários:

carlota disse...

... assim como vc, tenho adotado esmaltes mais básicos, nos tons que vc tb gosta... sei lá,a mão fica limpa e classuda,eu gosto! beijos,adoro vir aqui!

Claudia Pimenta disse...

oi carlota! obrigada pela visita e volte sempre - seja mt bem-vinda! bjs!!!

Cris disse...

Amo esse bege da Dior, é muito chique (também adquiri no Free Shorp, mas do Rio mesmo). Duas camadas dele mais o extrabrilho ficam um luxo. E adorei a listinha de beges, vou conferir e experimentar!
Não entrei e acho que não vou entrar nessa onda dos verdes, azuis, roxos, cinzas etc. - não são pra mim, acho muito alternativos, extravagantes. Mas, gosto, sim, de cor: fico com os vermelhos (prefiro os mais fechados) e vinhos, que são tantos e muitos, não é? Além, claro, de de vez em quando escolher um marrom mais fechado, como o Particulière. Mas o que gosto mesmo é de ouvir minha manicure, que adora esse da Dior e o Particuliére, que eu não gostava 9achava bobo e triste) mas passei a amar, acho que de tanto ela insistir: "que isso, não é bobo, é lindo, é Chanel/ é Dior". Minha manicure é muito fina, adoro!

Claudia Pimenta disse...

oi cris! os vermelhos e vinhos tb são um xodó p/mim... experimente esses outros nudes, vc vai gostar! bjs e obrigada pela visita!