quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

in Styling... Vamos conhecer...

A consultoria de imagem e estilo é uma profissão bastante recente, que avalia o todo, isto é, a imagem geral da pessoa – homens e mulheres, de forma abrangente, pensando em roupas e acessórios, mas também em cabelo, maquiagem, cores, futuras compras, etiqueta, até mesmo o estilo da casa... todos estes mundos estão interligados, formando a imagem e o estilo pessoais! Basta dar uma olhadinha no meu blog... ele não se restringe a tendências de moda e estilo, pois procuro falar de outros universos, como decoração, viagens, comportamento. Por sinal, para mim, imagem, moda e estilo estão, intrinsecamente, relacionados com comportamento e com a história do homem que vive o seu tempo.


Uma consultora de imagem e estilo não impõe um estilo ao seu cliente, mas atua, junto a ele, para descobrir o estilo dele. Não acredito que haja estilo apropriado, mas sim, a descoberta do estilo pessoal que represente bem a pessoa que o possui. Às vezes, nem é preciso ir muito longe, apenas algumas dicas já são suficientes para o cliente perceber o que lhe fica bem e lhe agrada, isto é super importante. Não se trata aqui do meu gosto ou estilo pessoal – isto jamais entra na pauta! Quem aponta o caminho é o cliente, sempre!
Ultimamente, com a divulgação de programas como “What not to wear” (que adoro, por sinal!, tenho todos os livros), a profissão de consultor está no centro das atenções contemporâneas. E o seu leque de funções é bastante amplo, incluindo a de personal shopper. Nesta função, o consultor auxilia o cliente nas compras, buscando opções de lojas... para todos os orçamentos! Não é correto associar a consultoria de imagem e estilo com grifes e marcas de luxo... é possível fazer um excelente trabalho sem gastar uma fortuna! Além disso, o orçamento do cliente é um dos itens sempre levados em conta, pois seria inconcebível indicar algo fora das possibilidades dele... e temos maravilhosas opções de grandes redes de lojas de departamento, que são uma verdadeira descoberta para muitos clientes, que jamais pensaram em entrar para comprar nestas lojas. Uma pena, pois eu mesma adoro comprar nelas, procurando produtos de qualidade e com custo mais acessível.


A consultoria de imagem e estilo não deve ser encarada como uma profissão elitista, mas, no Brasil, como ainda não dispomos das consultoras que trabalham nas lojas (há apenas alguns serviços esporádicos e pontuais...), ela costuma ser associada à classe mais abastada, o que é uma pena. Dúvidas todos têm, independente da classe sócio-econômica... falta apenas uma maior democratização da informação, esta sim, vital!
A prestação de serviços de um consultor de imagem e estilo é feita por projeto. Este projeto pode ser único, mensal, semestral, sazonal... o cliente decide o quanto ele precisa do serviço e, após a entrevista inicial, na qual são traçados os primeiros parâmetros do projeto, será feito um orçamento. Mas, lembrem-se: é sempre possível começar por algo menos vultoso, para conhecer o trabalho do profissional, para depois, partir para um projeto mais elaborado, com re-avaliações periódicas (é, nós mudamos a imagem e o estilo com o tempo, com novos modos de vida, novas profissões ... e com a idade!). Como o consultor não dá uma “receita” pronta, tudo é passível de uma revisão posterior, de acordo com as novidades que o futuro traz. E isto é o grande desafio para nós!


Para quem pretende seguir a profissão, a consultoria de imagem e estilo é um mercado em expansão, tendo cada vez mais espaço no cenário atual. No início, parece mais complicado, pois, como uma profissão autônoma, os clientes costumam chegar por indicação. Eles, em geral, buscam ajuda para descobrir o que pode ser feito para elaborar sua imagem pessoal, por razões as mais diversas – mudança de profissão, de estado civil, alteração de peso, novas profissões (e novos códigos de vestir...) e fases da vida. É possível sim, viver como consultora, pois, à medida que seu trabalho vai sendo (re)conhecido, tudo fica mais tranqüilo.
Não existe ainda nenhum curso superior específico de consultoria – no meu caso, na pós-graduação em produção de moda, a consultoria é uma das minhas opções profissionais. Os cursos são sempre muito bem-vindos – eu fiz inúmeros e indico, com certeza. Na consultoria, uma coisa é imprescindível: conhecimento! Buscar informação, nos mais diversos mundos, é a chave da profissão, pois os sentidos devem estar sempre bem treinados! É preciso bom olho – para avaliar a imagem..., bom tato – para reconhecer texturas..., bom olfato – o perfume é importante..., bons ouvidos – a música é uma excelente forma de conhecer o cliente..., e bom paladar. Para quê? A escolha gastronômica também diz muito sobre o cliente, sabia? Minha formação é eclética, pois sou bióloga e psicanalista, assim como cursei arquitetura... sou apaixonada por todo o tipo de conhecimento e não me canso de buscá-lo! Acabei optando pela pós-graduação, pois a graduação de moda, no Rio de Janeiro, é mais voltada ao estilismo, que não era a minha escolha... Na pós, pude estudar moda, mas não para ser estilista... e ler muuuuito! A internet também é uma aliada e tanto na busca de informação...
Eu comecei na consultoria, depois de perceber que eu já fazia isto, informalmente... com todos os meus amigos! Sempre era chamada para dar palpite no que comprar, no que vestir... e eu resolvi investir na consultoria como profissão, já que também adoro moda... e pessoas! Aliás, o contato com pessoas é o que pontua toda a minha trajetória profissional, independente da profissão. Na consultoria de imagem e estilo, é treinar o olho e gostar de conhecer pessoas... eu adoro!


*Créditos das fotos:
Semanas de moda SPFW e Fashion Rio: ELLE julho 2008
Paris: Cláudia Pimenta (acervo pessoal)
Montagens: Cláudia Pimenta (acervo pessoal)
Invalides – Maria Bonita
Louvre – Redley
Jardin du Luxembourg – Huis Clos e 2nd. Floor
Musée d’Orsay – Triton
Opéra Garnier – Reinaldo Lourenço
Musée Rodin – Coven
Tour Eiffel – Cantão


***Na seção in Styling, vocês encontram os posts já publicados no blog e relacionados à consultoria de imagem e estilo, podendo pesquisar assuntos e dicas!***

20 comentários:

Lúcia disse...

Oi, Claudia!
Que legal essa idéia da consultoria pepper in fashion! Amei!
Também foi ótimo conhecer mais sobre essa profissão tão pouco conhecida.
Ontem vi uma moça com um lenço lindo no pescoço e lembrei de você!
Bjins

Dafni do Nascimento disse...

Indiquei o seu blog para um selinho, passa lá no meu para pega-lo.
E concordo com a Lucia, é otimo conhecer mais sobre essa profissão.
Beijos

Paula disse...

Olá amiga!
Também adoro ver o What not to wear e também tenho o livro desses gurus da moda, Stacy e Clinton!
Cá em Portugal, ouve-se falar cada vez mais em consultores de moda mas tal como no Brasil, é encarado como uma profissão virada para as classes mais altas.
Pode ser que as mentalidades comecem a mudar!
Tudo de bom, muitas saudades e muitos beijinhos!
:)
Bjs!

brasildobem disse...

Oi CLaudinha, muito oportuno esse esclarecimento sobre as funções de ua consultora de imagem, geralmente é associada a coisa de gente rica, mas ledo engano, o que ela faz, na verdade é orientar e ajudar dentro de qualquer orçamento. Parabéns!
Janeisa

Kerou disse...

claudinha achoi q esse vc ainda nao tinha!

e vc foi aksi rapida do que eu!nem deu tempo dete avisar hehehe


beijokas

kah disse...

claudinha, te dei um selinho no meu blog ta?? bjoooooo

Verson Souto. disse...

Trabalhar como consultora de imagem deve ser ótimo!

Beijos.

Pri Caineli disse...

Oi!
Sempre dou uma passadinha aqui pra prestigiar o seu blog, ele é ótimo!
Agora tb tenho um blog sobre beleza, dá uma passadinha lá:
www.blig.ig.com.br/princesanatorre
Estendo tb o convite para todas as suas leitoras.
Bjus!

Lauren disse...

Batom vermelho!
eu não tenho mto problema, mas como aqui no Rio as pessoas não estão acostumados com este tipo de cor, a maioria acha q é feio. por isso pergunto sobre ele.
bjokassssssss

Eneida disse...

Me deliciei com o post!
Dá vontade de pegar cada ponto e conversar, discutir sobre ele com você, mas o comentário ficaria enorme!
Adorei o que você disse sobre descobrir o estilo do cliente, pois isso é um diferencial que nem todos sabem fazer, a maioria quer impor um estilo, que, se não tiver a ver com a pessoa, não vai funcionar.
Nesse programa que você citou, o "What not to wear", adoro ver, mas às vezes eles colocam umas roupas estranhas para as atividades das pessoas.
Adorei as colagens!
Quanto aos cursos, eu adoraria fazer, porque faço isso informalmente, não para trabalhar com isso, pois já tenho profissão estável, mas para o meu deleite!
Não fazendo o curso, me delicio aqui!
Achei o máximo isso de consultoria pePPer! Você vai partilhar conosco os questionamentos?
Beijo!

Cris Paz disse...

Claudia, acho que a profissão vai crescer cada vez mais. Hoje temos acesso a tanto informação, que tudo fica meio confuso, precisamos de alguém para conseguir enxergar os "nossos próprios horizontes". E vejo que isso acontece também com as jovens que estão deixando de lado sua adolescência e entrando na fase adulta. Minha cunhada tem apenas 19 anos. Dia desses ela veio me falar de sua preocupação com estilo, se sente completamente perdida, não consegue abandonar a dupla jeans-tênis. Este post caiu como uma luva, já encaminhei o link pra ela. Com certeza, muita informação aqui irá ajudá-la.
Bj
Cris

P.S. tenho que parar de comentar com textos longos! =)

Merikol disse...

Olá Claudia, ótima informação. Não conhecia muito sobre esta profissão. Quero saber mais, por isso, adicionei-a. Vamos nos linkar?

Bjs.

Marcela de Vasconcellos disse...

Cara esse blog é tudibom...


Adoro seu jeito de escrever, fica tão explicado, mas sem parecer chato.

Sobre fashion Rio, tô achando meio fora de noção...muito tecido quentíssimo pro nosso verão de 28 graus...sei lá...


bju

Helena Castro disse...

excelente esse seu texto!!!!!!!!!

beijos

claudia oliveira disse...

ola claudia,

os links de acesso para sites fashion rio são demais. obrigada. adoro ver as novidades. vai dando mais noticias.

beijo
batom

Chris - da Chria disse...

Ótimo deixar este assunto mais acessível às pessoas - é um mercado meio confuso...
O novo espaço no blog vai ser super útil!
bjo grande querida
Chris

(¯`·._.·[***Celina***]·._.·´¯) disse...

Não tenho nenhuma formação em moda, mas como sempre estive envolvida nesse universo e amo, vivo dando opiniões pras amigas (elas pedem) e acho uma delícia. Trabalhar mesmo então, deve ser uma delícia.
Bjobjo

Chris disse...

Claudia e sempre bom desmistificar e dar informacoes sobre a profissao. Acho muito bacana os conceitos e filosofia que vc tem a respeito da moda e estilo, baseado no estudo e coisas da vida.
Adorei as montagens e fotos!

bju bju

Brigadeiro disse...

Que 'post' otimo! Estou pensando em fazer um curso de estilismo, pois acho que 'consultoria de imagem e estilo' e incrivelmente legal, especialmente quando da confianca em si mesma (para a/o cliente).

Dei uma paradinha em Niteroi pra matar saudades do Icarai, e pra ver a vista linda do RJ. Comi a pipoca mais deliciosa do mundo la, fora do museu de artes modernas. Pena que foi vapt vupt e nao pude dizer um alo proprio a voce :)

Feliz Ano Novo!
xx
CC

Lou disse...

Adoraria trabalhar com Consultoria de Imagem, eu adoro=)
Beijos montes,
Lou