terça-feira, 12 de maio de 2009

in-Spiration... A artista das Nanás

As esculturas se moviam, eram multi-coloridas e captavam meu olhar como se me convidassem a bailar: lembro da primeira vez que vi estas obras, da genial artista francesa Niki de Saint Phalle, em parceria com Jean Tinguely, na Place Igor Stravinsky, em Paris. Nesta pequena fonte, localizada ao lado do Centre Pompidou, as esculturas dançavam a céu aberto, enchendo de cor e alegria aquele espaço. Nas demais vezes que voltei ali, sempre me encantei – e ainda me encanto! – com tamanha capacidade artística e lúdica...


Vamos conhecer a artista das Nanás?

Niki de Saint Phalle nasceu Catherine Marie-Agnès Fal de Saint Phalle, em 29 de outubro de 1930, em Neuilly-sur-Seine. Mudou-se para Nova York, já conhecida como Niki, em 1937.
Trabalhou como modeloVogue, Harper’s Bazaar e Life Magazine – entre 1948 e 1949, quando se casou com Harry Mathews.
No ano seguinte, produziu seus primeiros óleos e guaches.
Em 1952, foi para Paris. Ao sofrer um colapso nervoso, no ano seguinte, decidiu tornar-se artista.
Ao visitar Barcelona, em 1955, conheceu o trabalho de Gaudí: em especial, o Parc Güell, que lhe deu a idéia de criar um jardim de esculturas.
Conheceu, no ano seguinte, Jean Tinguely, que virá a tornar-se seu companheiro de vida, com quem se casou em 1971 e viveu até a morte dele.
Em 1961, é introduzida a Salvador Dalí por Marcel Duchamp. Neste mesmo ano, participa de uma exposição no MoMA, o Museu de Arte Moderna de Nova York.
Niki conviveu, em suas inúmeras viagens, com o trabalho de Paul Klee, Henri Matisse, Pablo Picasso e Douanier Rousseau, Jasper Johns, Willem de Kooning, Jackson Pollock e Robert Rauschenberg, Victor Brauner, Max Ernst e René Magritte.
Cria, em 1965, sua primeira Naná. As Nanás, moças em francês, são esculturas em papier maché, fibra de algodão, tela de arame e lã. São enorme bonecas, uma representação do universo feminino.
Em 1971, começa a elaborar o seu parque de esculturas, Giardino dei Tarocchi, ou Jardim do Tarô, localizado na Toscana, Itália, e inspirado nas cartas do tarô, com 22 esculturas monumentais.
Uma importante retrospectiva do seu trabalho foi exibida, em 1980, no Centre Pompidou, em Paris.
Dois anos depois, Niki e Jean Tinguely criam a fonte-escultura, com 15 figuras da Place Igor Stravinsky, ao lado do Pompidou (nas fotos).
Tinguely morre em 1991. Em sua homenagem, Niki constrói suas primeiras esculturas cinéticas: Meta-Tinguelys.
Em 1998, abre o seu Jardim do Tarô e termina a última das 22 esculturas.
Com 71 anos, Niki de Saint Phalle morre, na Califórnia, em maio de 2002.


***

17 comentários:

Sandra disse...

Em 1985 eu aprendi a técnica de papier maché e fazia bonecas e outras cozitas para presentear meus amigos...mas depois nasceu meu filho e parei ....me deu saudade vendo esse seu lindo post....é uma pena a Niki de Saint Phalle ter desencarnado .

adoro arte e de fazer arte....rs

bjk

Dafni do Nascimento disse...

Lindos e Criativos.

Kerou disse...

Super coloridos e lindos!!
adorei =)
bom inicio de semana pra ti claudinha

beijus

Ma Folie Design by Guta disse...

Não dá nem pra acreditar o q pode ser feito com papel marché ne hehe
incrivel mesmo!!!! bjokas guta

Cy disse...

lindo esse lugarzinho em paris! o pompidou é obrigatório, na minha opinião.
bjsss
cy

Patricia de Camargo disse...

Oi, eu vi uma exposição do casal aqui no Centro Atlântico de Arte Moderno, ela era lindíssima, e realizavam um trabalhos super transgressores!
Beijos

Eneida disse...

Arte é uma coisa belíssima!!!
E super legal o brinde!
Vale mesmo!
Beijo!

Lauren - Moda Trash disse...

Claudia, eu preciso de um colapso nervoso desse!
As coisas vão ser ótimas para mim.
bjokasssssss

Grazy Pacheco disse...

Ah!!!
Eu já conhecia um pouco do trabalho dela!
É algo que imprenciona mesmo!!!
bjos
=)

Andrea Guim disse...

Oi, Cláudia!!
Eu addoro as obras de Niki de Saint Phalle e vê-las de perto deve ser o máximo (algumas obras já estiveram no Brasil, eu vi!!!!)!
Hum... agora fiquei me imaginado em Paris... Àiiiii...
Bjs!

Não Somos Apenas Rostinhos Bonitos disse...

Que lindos!

Cy disse...

show!!!!! já mandei meu e-mail pro encontrinho. quero muito ir!

bjsss
cy

Lúcia disse...

Fantástico! Amo bolsas grandonas! Bjs

SÍLVIA OLIVEIRA disse...

Realmente muuuito criativo o trabalho da Niki! Bjs!

lancelloti disse...

eu fui ao pompidou em paris e passei pelas obras dela! lindas mesmo, dão uma quebrada no ambiente vintage!

Joaninha Bacana disse...

Que legal conhecer um pouco mais sobre ela! A primeira escultura que eu vi dela foi em Luxemburg, e eu adorei, mas sobre a artista eu nao sabia nada!
Bisous, Angie

pashmina disse...

I always love visiting the Pompidou center.... and seeing the installations and artists in the plaza out front in definitely half the pleasure!